A União fez de nós o que somos

Texto por Paola Martins

Últimos dias do ano. Todos estamos precisando de um último gás, de uma bateria extra, de um pouco mais do combustível que nos traz potência.


Este ano, teremos a possibilidade do reencontro, após tanto tempo de afastamento.


A pandemia nos fez ver com outros olhos as distâncias, e apreciar de forma mais intensa as proximidades, o contato, a pele na pele, o olho no olho.


É chegado o momento de aproveitarmos para recarregar nossas energias através destes reencontros (com os devidos cuidados). Já é possível regozijarmos com a potência causada pela união, e, principalmente, pela re-união.


Como nos ensina o professor DeRose:


“A União fez de nós o que somos; fará por nós o que nem imaginamos. A força está na União; na desunião, a fraqueza”.

Aproveite esta oportunidade para ofertar a todos os que estão a sua volta o melhor combustível e o melhor presente que poderia dar: o seu tempo, a sua presença e a sua atenção plena.


Lembremo-nos de que o estado de mindfulness consiste justamente em trazer a consciência ao aqui e ao agora, deixando as águas que passaram por baixo da ponte nos últimos anos, correrem em paz até desaguarem nos rios da lembrança e deixando as ideias translúcidas do futuro para o momento adequado: o amanhã.


Viva o hoje, o aqui, o agora.


Seja mindfull, esteja presente.


Aproveite os reencontros e preencha-os com união e amor.


Acesse o site abaixo:




Posts Recentes
Arquivo
Procurar por tags